Zara Larsson fala sobre amigos, família, girl code e novo álbum para a HYPEBAE ◂ Zara Larsson Brasil


Zara Larsson fala sobre amigos, família, girl code e novo álbum para a HYPEBAE

Zara Larsson fala sobre amigos, família, girl code e novo álbum para a HYPEBAE



Todas precisamos de Zara Larsson como membro da nossa gangue feminina

Zara Larsson é um enigma. Talvez isso pareça paradoxal para alguém tão aberta e que carrega uma presença de palco e carisma de alguém muito, muito mais velho do que alguém de apenas 19 anos, mas ela é. Apesar de estar em turnê pelo mundo, criando músicas, uma atrás da outra, que são número um, ela ainda vivi em casa com sua família em Estocolmo, Suécia. Apesar disso, ela é uma das maiores estrelas do pop do momento, ela ainda é fã de Beyoncé, Nicki Minaj e Rihanna da mesma forma que tantos outros tem ela como ídola agora. E, embora ela, provavelmente, tenha designs fazendo fila ao redor do quarteirão para ela usar suas peças, ela realmente ama a Topshop. Zara realmente é apenas uma típica adolescente, com exceção que além do exterior fofo, ela é dona de uma grande personalidade e uma voz maior ainda.

Após cativar os corações de uma nação quando ela tinha apenas 10 anos e ganho o Sweden’s Got Talent, Zara permaneceu quieta e melhorou sua voz e sua persona até que ela estivesse pronta para fazer sua estréia no lugar central do palco com os lançamentos de hits como “Lush Life” e “Ain’t My Fault”. É seguro dizer que essa cantora/compositora magnética está finalmente pronta para causar um rebuliço na industria da música e no mundo. HYPEBAE recentemente esteve com Zara em Londres para falar sobre o seu álbum de estreia internacional, honra do girl code o e de onde ela tira tanta confiança para sempre falar seus próprios pensamentos.

Você acabou de lançar seu álbum de estreia internacional – o que foi uma surpresa para nós pois você tem estado por aqui por bastante tempo. Como você se sente tendo, finalmente, colocado seu trabalho para o mundo?

Eu me sinto muito bem porque eu estive trabalhando nisso por um longo tempo e eu estive lançando muitos singles no decorrer dos anos, então é muito bom tem um trabalho completo. Toda vez que eu lanço um single, as pessoas fala “Isso não parece com o seu último single!”, então eu acho que o álbum é como se o álbum conectasse todos eles.

Você adaptou sua música “Ain’t My Fault” então não é mais sobre roubar o namorado de outra garota, como era inicialmente. Você acha que é importante para outras artistas femininas tomarem decisões conscientes como essa? 

Eu apenas achei que a música não estava condizendo com que eu sou. Eu e MNEK a escrevemos em duas horas apenas porque tínhamos um tempo extra e queríamos fazer uma música divertida. Eu nunca planejei que ela fosse lançada, então quando a gravadora disse “Ai meu Deus, nós amamos isso!”, eu fiquei “Nah! Não, eu não posso”. Eu não posso subir ao palco e cantar essa canção e, com a mesma voz, falar sobre como é importante para garotas apoiarem umas as outras e porque é importante ser feminista. Isso não fazia sentido para mim. Eu precisava escolher um lado e eu fui pelo girl code.


Falando sobre o girl code – você passou bastante tempo na estrada, você tem um circulo forte de amigas com você?

A maioria das pessoas com que trabalho são mulher, então isso é muito bom. A pessoa que faz meu som é uma mulher, a administradora da minha turnê é uma mulher, todas as minhas dançarinas são mulheres. Mas eu tenho três pessoas na minha banda que são homens. Eu gostaria de ter uma equipe apenas de mulheres, mas eu venho trabalhando com a minha banda a bastante tempo, eu não posso demiti-los, eu os amo muito. Eu acho que é realmente importante trabalhar com um grupo diversificado de pessoas, mas especialmente mulheres. Quando se trata de fazer som, arrumar luzes, produzir shows, elas não são tão comuns e eu realmente gostaria de dar apoio a mulheres nessa indústria.

É importante para mulheres darem apoio umas as outras.

Todos sabem que você é uma grande fã de Beyoncé, então é seguro dizer que se você fosse formar sua própria gangue feminina, ela estaria presente, certo? Quem mais você escolheria? 

[Zara pega seu telefone e nos mostra o verso dele, onde tem um adesivo de Beyoncé, Rihanna e Nicki Minaj] Eu peguei esse adesivo do Giphy. Elas são as minhas favoritas. Eu apenas as amo, elas são as melhores. [beija o adesivo]

 

Como uma jovem mulher na sua posição, inevitavelmente você é vista como um modelo para muitas pessoas e você nunca parece assustada em falar o que pensa – onde você encontra a confiança para ser capaz de fazer isso? 

Eu tenho sido muito sortuda quando o assunto é minha família e amigos – se eu não tivesse família ou amigos que me dessem apoio eu nunca seria capaz de ter a coragem para falar com franqueza, falar sobre minhas opiniões e ser forte o suficiente para não ligar se as pessoas dizem coisas horríveis sobre mim. É muito importante apoiar os outros, então eu sou muito grata que eu tenho meus amigos e família, porque eu realmente sinto como se eles tivessem feito uma boa base para eu poder construir em cima. Se eu não os tivesse eu acho que eu não teria a confiança.

2017 tem sido um ano bem cheio para você, com o lançamento do álbum, estando a frente em uma campanha com a Nike e colaborando com a H&M – o que o resto do ano guarda?

Eu estou participando de vários festivais esse verão e espero estar fazendo mais shows solo no outono. E também estou para começar a gravar o álbum número dois.

Parece que você nunca tem um dia de folga! O que você gosta de fazer quando finalmente tem um tempo para você?

Eu tenho um dia de folga amanha! Eu vou na Topshop. Eu amo Topshop, especialmente aqui em Londres. Talvez eu vá em um spa, eu gastaria todo meu dinheiro em spas se eu pudesse. Definitivamente eu vou dormir tomar café da manhã bem tarde, normalmente quando eu estou de folga eu não saiu da cama até às 14h.