Noticias ◂ Zara Larsson Brasil


Ouça “So Good”, novo álbum da Zara Larsson

Ouça “So Good”, novo álbum da Zara Larsson



É isso mesmo! Depois de quase 2 anos de espera, podemos ouvir finalmente o tão aguardado álbum de estreia internacional da nossa sueca Zara Larsson. O álbum “So Good“, que conta com 15 faixas, acaba de ser liberado oficialmente no Spotify e você pode dar o play logo abaixo.

Além disso, você também pode comprar a sua cópia digital no iTunes Brasil ou até mesmo ouvir pelo Apple Music. Nas outras plataformas de streaming, você pode conferir clicando aqui.

Não se esqueça também de comprar o seu CD, viu?! Já está em pré-venda na Regards, loja oficial do POPline e nossa parceira super confiável e com o menor preço. Nas lojas físicas, o álbum começa a chegar a partir do dia 24 de Março.

E uma das surpresas que tínhamos prometido em nosso perfil no Twitter, é:

PROMOÇÃO – DIVULGUE SO GOOD NO SPOTIFY

Promoção encerrada. Ganhadores aqui.


Zara Larsson canta “So Good” e “All Night” da Beyoncé no BBC Radio 1 Live Lounge

Zara Larsson canta “So Good” e “All Night” da Beyoncé no BBC Radio 1 Live Lounge



Hoje (16), Zara Larsson esteve na BBC Radio 1 e participou do especial Live Lounge onde cantou o seu single “So Good” e fez um cover incrível da música “All Night” da sua Diva Beyoncé. Assista abaixo.


Zara Larsson revela trechos de músicas e sai prévia do clipe de “Symphony”

Zara Larsson revela trechos de músicas e sai prévia do clipe de “Symphony”



Hoje (15), Zara Larsson começou a revelar trechos das faixas do seu álbum de estreia internacional, “So Good“, onde você pode ouvir através do aplicativo Musical.ly e ela quer ver você compartilhando o vídeo da sua reação ouvindo eles no Twitter, basta postar usando a hashtag #ZaraLarssonFirstListen.

Os primeiros trechos revelados foram de “What They Say“, “Only You” e “Don’t Let Me Be Yours” que você pode conferir abaixo e em breve ela vai liberar mais alguns, fiquem de olho!

Em breve ela irá liberar mais alguns, então fiquem de olho lá e no nosso perfil no Twitter. Além disso, o Clean Bandit revelou uma prévia exclusiva do clipe de “Symphony“, parceria deles com a Zara que sairá também no dia 17 e fará parte do álbum.

Saiba mais sobre o álbum “So Good” e reserve sua cópia física no Brasil, clique aqui.

ATUALIZAÇÃO:

Trechos de “One Mississippi“, “Funeral” e “TG4M“:


Ouça as duas remixes oficias de “So Good” que acabaram de ser lançadas

Ouça as duas remixes oficias de “So Good” que acabaram de ser lançadas



Hoje (10), foram lançadas duas remixes oficias do atual single “So Good“, que você pode conferir abaixo.

Você pode ouvir no Spotify também, clicando aqui e aqui.


Zara Larsson canta “Ain’t My Fault” e “So Good” em rádio francesa

Zara Larsson canta “Ain’t My Fault” e “So Good” em rádio francesa



Nessa semana, Zara Larsson visitou a rádio francesa NJR para participar do programa C’Cauet sur NRJ onde cantou “Ain’t My Fault” e o seu atual single “So Good“. Assista abaixo.


Zara Larsson é indicada ao Radio Disney Music Awards 2017

Zara Larsson é indicada ao Radio Disney Music Awards 2017



Na sexta-feira (3), foi divulgado os indicados ao Radio Disney Music Awards de 2017, onde nossa Zara Larsson recebeu uma indicação na categoria “When The Beat Drops! – Best Dance Track” com a música “Never Forget You“, parceria com o MNEK.

When The Beat Drops! – Best Dance Track

“Alone” – Marshmello
“Cold Water” (f. Justin Bieber & MØ) – Major Lazer
“Don’t Let Me Down” (f. Daya) – The Chainsmokers (TCS)
“Millionaire” (f. Nelly) – Cash Cash & Digital Farm Animals
“Never Forget You” (f. MNEK) – Zara Larsson

A votações começam hoje (4) e encerram no dia 9 de Abril, para votar é só clicar aqui e tuitar.


Zara Larsson participa do RTL Late Night e canta “So Good” e “Lush Life”

Zara Larsson participa do RTL Late Night e canta “So Good” e “Lush Life”



Ontem (2), Zara Larsson participou do programa RTL Late Night em Amsterdã, onde concedeu uma entrevista e também atendeu vários fãs antes de entrar no estúdio. Confira abaixo o vídeo dela atendendo os fãs.

Além disso, ela cantou o seu smash hit “Lush Life” e seu atual single “So Good“, assista as apresentações abaixo.

A entrevista nós iremos traduzir e legendar para postar em breve em nosso canal no YouTube!


“So Good”: Saiba tudo sobre o álbum de Zara Larsson no Brasil

“So Good”: Saiba tudo sobre o álbum de Zara Larsson no Brasil



So Good“, primeiro álbum internacional da cantora sueca Zara Larsson com data marcada para o dia 17 de Março deste ano, já tem tracklist divulgada e mais informações sobre ele no Brasil.

No Brasil, o álbum chega oficialmente no dia 24 de Março na versão FÍSICA e serão 15 faixas, sendo que uma delas ainda não foi revelada. E você já pode adquirir o seu CD na pré-venda exclusiva que acaba de ser liberada na nossa parceira Regards, CLICANDO AQUI!

Versão física e normal do álbum, a tracklist será composta por essas faixas:

1. What They Say
2. Lush Life
3. I Would Like
4. So Good (feat. Ty Dolla $ign)
5. TG4M
6. Only You
7. Never Forget You (feat. MNEK)
8. Sundown (feat. Wizkid)
9. Don’t Let Me Be Yours
10. Make That Money
11. Ain’t My Fault
12. One Mississippi
13. Funeral
14. Can’t Fall In Love With You
15. Symphony (feat. Clean Bandit)

Além disso, você pode pré-salvar o álbum no Spotify para ouvir ele assim que for lançado no dia 17. E teremos ainda mais algumas faixas bônus e iremos atualizando aqui com mais informações assim que for saindo oficialmente.


Zara Larsson comparece ao BRIT Awards 2017 e after party promovida pela Sony

Zara Larsson comparece ao BRIT Awards 2017 e after party promovida pela Sony



Ontem (22), aconteceu no Arena O2 em Londres, Reino Unido, a premiação britânica BRIT Awards, onde Zara Larsson compareceu ao evento e posou para fotos no tapete vermelho com um look Dolce & Gabbana. Confira as fotos clicando nas miniaturas abaixo.

Além disso, depois da premiação que ela não concorria e nem se apresentou, ela foi se divertir na after party promovida pela sua gravadora Sony Music do Reino Unido. Confira fotos clicando nas miniaturas abaixo.


Zara Larsson faz apresentação de “So Good” e concede entrevista ao Skavlan

Zara Larsson faz apresentação de “So Good” e concede entrevista ao Skavlan



No último dia 17, Zara Larsson participou do programa Skavlan e cantou o seu novo single “So Good” que você pode assistir abaixo.

Além disso, ela concedeu uma entrevista muito interessante que você pode conferir toda tradução logo abaixo.

E: Quando a minha convidada teve seu primeiro lançamento aos 10 anos de idade eu já sabia que seria uma grande estrela. Agora ela tem 19 anos e tudo tem saído como planejado. Bem vinda, Zara Larsson.

Z: Muito obrigada.

E: Você se lembra, antes de ser famosa, qual a primeira canção que você aprendeu?

Z: Eu tenho certeza que foi uma canção da Carola.. Eu acho, na verdade, ou talvez Whitney Houston.

E: Você pode cantar como a Carola?

Z: Se eu posso imitar a Carola? Oh, isso foi tão bom Assim? Obrigada!

E: É fantástico!

Z: Muito Obrigada! Carola é maravilhosa, Whitney é maravilhosa.

E: Seu esplendor para a fama tem sido meteórico, vendo que você tem apenas dezenove anos. Mas você tem estado por aqui por um tempo.

Z: Eu tenho.

E: Você estará em um dos maiores shows de TV nos estados unidos agora mesmo. Você fez a abertura da EuroCup 2016. Agora você está lançando um novo álbum. Você ainda controla seu próprio tempo? É fácil perder o controle de seu tempo?

Z: É um pouco sim, mas isso é porque eu tenho um cronograma apertado. Eu tenho muito pouco tempo ocioso, que é uma coisa boa. Eu sou muito ocupada, eu faço muitas coisas, muitas coisas divertidas. Eu amo o que eu faço mas eu sou um tipo de pessoa que é totalmente desconhecido. Ontem eu estava falando para minha mãe: “Eu tenho algo para amanhã, né?” E bem, aqui estou eu, hoje. Mas eu realmente não sei o que eu tenho agendado e eu amo isso.

E: Então você gosta disso assim?

Z: Claro que sim.

E: O quanto à frente você pensa?

Z: Uns dois dias.

E: Você faz muito dinheiro, você que o administra?

Z: Não.

E: Ok, quem está em controle então?

Z: Mamãe e papai.

E: Isso é bom.

Z: Eles ficam de olho nisso e eles não roubariam de mim. Eu provavelmente voltarei aqui em 20 anos e direi: “Meu deus, eles..” Não, eles nunca fariam isso.

E: Você recebe algum salário fixo?

Z: Bem, noite passada eu liguei pra minha mãe pedindo 70 reais para ir ao cinema. Mas assim, eu ainda vivo em casa, eu não pago nenhuma conta. Eu não um tenho carro nem ao menos a carteira de motorista. Eu não tenho despesas, eu apenas gasto meu dinheiro em coisas divertidas. Se eu tivesse acesso a todo esse dinheiro, teria muitas coisas divertidas a fazer.

E: Como você compra algum caro que você tenha realmente gostado?

Z: Bem, ontem ou anteontem, não tenho certeza disso, eu comprei um apartamento para minha avó.

E: Isto é ótimo.

Z: É, coisas como essas, fazem me sentir como se valesse a pena.

E: Então, você liga para sua mãe e seu pai e diz “Eu preciso de dinheiro para comprar um apartamento”?

Z: Não, é tudo minha mãe. Ela me perguntou se eu achava que nós deveríamos fazer isso. E eu disse, com certeza, eu acho que a vovó merece um lugarzinho dela.

E: E a sua avó já se mudou para lá?

Z: Não, é uma nova construção. Próximo ano. Ela estará mais perto dos meus primos, minha irmã… Porque agora ela está muito sozinha na terra natal do meu pai. Eu acho que será ótimo para ela.

E: Ela estava ansiosa com isso?

Z: Muito!

E: Eu aposto.

Z: Eu aposto que estava, também. Eu apenas espero que ela fica viva até se mudar. Seria uma vergonha se acontecesse o contrário.

E: Você tem dezenove anos, assim, você poderia ter sua carteira de habilitação. Mas você não tem?

Z: Não.

E: Você seria uma boa motorista?

Z: Eu sei onde você quer chegar.

E: Eu sei que você tem uma alguma experiência dirigindo..

Z: Sim, alguma. Eu tenho licença para dirigir uma moped (pequeno carro na suécia, mas, pequena moto em outros países).

E: Explique isso para mim. Porque eu não sou da Suécia. Apenas na Suécia eles tem isso..

Z: Oh, na Noruega vocês não tem mopeds?

E: Não, nós temos… Sim, pessoas tem mopeds. Se você tem medo de dirigir uma motocicleta. Mas não esse estranho quadricíclo que parece com um carro.

Z: Ele realmente parece com um carro mas a velocidade máxima é de 30mph. Então eu posso rodar por toda Estocolmo contando que eu não entre em uma rodovia.

E: E como isso funciona para você?

Z: Tão bem que o fabricante retirou o seu apoio. (risos) Eu estive em alguns acidentes, vamos por assim.

E: Você é como um serial killer delinquente.

Z: Bem… Se é assim que você vê, eu acho que sim então. Alguns daqui que são de Estocolmo conhecem o Túnel Klara, da cidade para o Sul..

E: Sim, tem um tráfego enorme de veículos..

Z: E como a maioria das ruas, os carros percorrem dois caminhos, mas um túnel apenas vai e o outro apenas volta. Então quando você entra no túnel é isso… É claro que eu me organizei e entrei no túnel errado. E isso foi… deixe-me explicar. Isso era numa terça-feira à noite, não havia carros por perto, e eu tinha tirado minha licença há 1 dia. Eu estava tão feliz dirigindo meu pequeno carro. Eu estava seguindo pra casa, mas não tinha certeza de por onde eu estava indo. Então, eu estava, tipo, “direita ou esquerda, direita ou esquerda?” E tinha um grande outdoor dizendo “DIREITA”. E eu pensei quer saber de uma coisa? Esquerda faz mais sentido para mim.

E: Você deve seguir sua intuição.

Z: Daí eu entrei no túnel. Eu estava dirigindo na pista da direita, porque eu sei das coisas. Então vem um carro do nada, desvia e buzina para mim. E eu fiquei tipo, “Que diabos você está fazendo na minha pista?” Logo em seguida vem um outro carros e nós batemos um com o outro. Foi aí que eu descobri que eu entrei no túnel errado. Mas todo mundo ficou bem, poderia ter sido muito pior.

E: Então eu acho que o banco de trás é um grande ideia. E eu tenho certeza que seus pais concordam.

Z: Sim…

E: Eu sei que você vem de um lugar onde o debate é encorajado. Você discute bastante, especialmente com o seu pai, que é militar. Eu li em algum lugar que você e o seu pai discutem por horas.

Z: Definitivamente.

E: Sobre o que vocês falam?

Z: Assim, na minha família, você sabe… eu falo muito – eu realmente, falo demais. Mas eu não ganho do meu pai de jeito nenhum. Ele não tem um botão “desligar”. Assim, nós temos muitas discussões. Eu posso perguntar uma simples coisa à ele que ele me responde com uma leitura completa. Ele é muito bem informado.

E: Ele é o que as feministas chamam de “Manspleaner”? (homem que fala sem parar, sobre assuntos dos quais as mulheres entender muito melhor que ele)

Z: Nem me fale, eu já tive que dizer muitas vezes, “Pai pare de acha que sabe de tudo sobre nós”. Uma simples pergunta pode levar à um monologo de quinze minutos. Mas ele é maravilhoso e muito inteligente. Ele é, provavelmente, a razão do qual eu sou tão interessada em problemas sociais. Eu quero muito saber sobre o nosso ambiente político. Nós falamos muito, feminismo é uma grande questão para mim. Então é ótimo ter sido trazida à esse meio dessa forma.

E: Você sempre tem sido franca ao falar sobre sua vista ao feminismo. E você tem uma grande voz política em adição a sua voz para a música e especialmente nas redes sociais. Seu tweet rudemente, se não mais, ao menos em um par ao Trump.

Z: HAHA.. Sim, era eu lá.

E: Sim, isso vem a ser algo grande. Você já se sentiu… arrependida?

Z: Eu o que?

E: Você já se arrependeu de tweetar algo? Do tipo, “Eu fui muito longe aqui”…

Z: Teve uma coisa que eu já tive que deletar. E foi depois de eu ter assistido ao filme “50 tons de cinza”. Na minha opinião pessoal – não é meu tipo de filme – e eu pensei que tinha sido uma merda. Então eu tweetei “Se você gosta disso, vá aqui” e coloquei um link do Pornhub. Mas essa foi a única coisa.

E: Do qual é um dos milhares de sites pornográficos que existem. E existem muitos, apenas explique isso.

Z: Eu tenho que explicar isso?!?

E: Não! Eu já expliquei, não mais! Por favor, não mais.

Z: Okay, eu pessoalmente não me arrependo disso, mas a gravadora disse “Você é ótima no twitter, diga o que você quiser dizer, mas coisas como essas são meio desnecessárias?”

E: Mas quando você diz coisas como “Eu odeio homens” – você entra em brigas.

Z: Eu entro em brigas.

E: Muitos homens mal-humorados estão por aí, e você escuta as coisas de alguns deles, mas não significa que seja algo pessoal? … Ou talvez alguns sim, mas não todos os homens… ou…

Z: Você está ofendido agora?

E: Não, eu sou inofendível.

Z: Estou brincando! É claro que eu não me refiro à todos os homens mas essa discussão é chata. Eu me refiro à cultura “macho” e aos homens em geral, em grupos que são assustadores, desprazerosos e irritantes.

E: Exatamente, e o que acontece quando você fala desse jeito, você é atacada por trolls na internet. Você recebe muito ódio. Você chega a ler isso?

Z: Até certo ponto sim. Eu penso que quanto mais eu fico online, como todos os jovens de hoje em dia, mais eu passo dessas coisas. No twitter, nós vemos muitas fotos de ovos no perfil. Quem tem isso no perfil geralmente são perfis privados com nenhum seguidor.

E: Eles são anônimos?

Z: Exatamente, eles são anônimos, esse que se escondem atrás disso são so que falam as piores coisas. É fácil não se sentir afetada por eles, porque não parece ser real, sabe? Eu tenho tweetado tanto e se eu não tivesse meus seguidores… É como eu disse, eu fui criada em um ambiente de debates amigáveis. E é assim que eu quero ser. Eu quero que a minha opinião tenha voz. Eu quero ser ouvida e ser vista, eu quero que as pessoas me escutem!

E: Então quando você vai debater, por exemplo, “Eu odeio todos os homens” O seu pai concorda?

Z: Ele entendo o que eu digo, voltamos para esse tópico irrelevante, quando eu digo “Eu odeio todos os homens” ele não fica ofendido e nenhum dos meus amigos homens fica. Eu tenho homens na minha vida que eu amo e admiro. Mas isso é constante “Ei, não todos os homens…” Sim, nós sabemos! Mas se você não é um estuprador, ou bate na sua mulher, ou um provocador, não é com você, então não se sinta ofendido com isso. E é isso. Vocês sabem o que eu quero dizer? Nós precisamos entender quais os privilégios que nós temos. Eu, verdadeiramente, acredito que nós temos privilégios. Você é muito privilegiado se por acaso acontece de você ser branco, homem, rico e cis. Então você precisa checar os seus privilégios. Quais os meus privilégios? Eu sou cis-gênera, eu tenho um corpo que entra nos ideais, eu sou heterossexual, eu sou branca, eu tenho que ser capaz de enxergar isso.

E: Muito obrigado por ter vindo aqui!

Z: Muito obrigada!

E no mesmo programa, ela também gravou um vídeo cantando trecho de músicas de alguns cantores famosos e imitou alguns outros artistas. Confira o vídeo abaixo.

Não deixe de conferir também várias fotos em HQ da participação dela no programa, é só clicar nas miniaturas abaixo.


Ajude a escolher um nome para o fandom da Zara Larsson

Ajude a escolher um nome para o fandom da Zara Larsson



Acho que já passou da hora de escolher um nome para o nosso fandom, não é mesmo? Então, faltando um mês para o lançamento do primeiro álbum internacional da Zara Larsson resolvemos fazer uma enquete com as sugestões que recebemos dos fãs no nosso perfil Twitter que o pessoal mais gostou.

Agora é a sua vez de nos ajudar a escolher, vote e escolha o seu favorito baixo.

[socialpoll id=”2420655″]

Vamos levar isso até a Zara? Ajude tuitando a mensagem abaixo clicando no botão ‘tweet’, quantas vezes puder.


Clean Bandit anuncia turnê com Zara Larsson e single com ela deve sair logo

Clean Bandit anuncia turnê com Zara Larsson e single com ela deve sair logo



Hoje (14) através de seu perfil no Twitter, o grupo Clean Bandit anunciou sua turnê que contará com participação da Zara Larsson nos shows pelo Estados Unidos. Confira abaixo o flyer com as datas.

E como já tínhamos divulgado em nossas redes sociais anteriormente, o grupo e Zara estiveram em estúdio gravando o novo single deles em parceria com a nossa sueca. E em entrevistas recentes foi revelado que é o próximo single do álbum do Clean Bandit e será lançado muito em breve.

Agora é esperar para termos a data e novo do próximo hit!


Zara Larsson fala sobre novo álbum, obsessão por rapper e planos para o verão

Zara Larsson fala sobre novo álbum, obsessão por rapper e planos para o verão



Zara Larsson é a sensação pop sueca que encontrou sucesso no exterior após o lançamento de seu single “Lush Life” e “Never Forget You“, seu dueto com o MNEK. Hoje ela desvenda o vídeo glamoroso de seu novo single “So Good” com Ty Dolla $ign e uma pia cheia de brilho.

Lançada na semana passada, a última faixa de Larsson oferece uma ligeira mudança de ritmo após os singles anteriores “I Would Like” e “Ain’t My Fault“. “So Good” é apenas isso, tão bom, é um música romântica e ao mesmo tempo adere às raízes definitivamente pop de Zara Larsson, ela mostra um lado diferente da artista e dicas sobre a diversidade de estilos musicais que irão caracterizar no comprimento total de seu próximo álbum escrito por ela.

Na Suécia, “Lush Life” de Larsson foi o hit de verão atingindo o número um e alcançando seis vezes platina, lançado originalmente em junho de 2015, eles tiveram seu tempo antes de dar um bom lançamento no Reino Unido.

O single de acompanhamento “Ain’t My Fault” reativou o hype e mais uma vez Larsson estava em todo o Reino Unido, incluindo uma performance estelar na festa anual da VEVO, vestida como Malévola. Para o final do ano, Larsson estava de volta com um estrondo, sem notícias do novo álbum, mas com outra música nova “I Would Like“, que se tornou seu maior peak nos charts do Reino Unido atingindo o segundo lugar – em parte graças a uma performance no BBC Music Awards onde ela se destacou como artista mais emocionante na conta.

Enquanto as campanhas de Larsson continuavam as perguntas sobre o álbum e sua data de lançamento foram respondidas com a palavra “em breve“. “EM BREVE” teve uma vida própria dentro da comunidade de fãs de Larsson: memes, memes e mais memes, alguns dos quais foram retuítados por Larsson, continuaram chegando anúncios de dia de lançamento e sendo cancelados. Com o seu álbum de estreia internacional, “So Good”, confirmado para 17 de março deste ano, chamamos Zara em LA para conversar sobre o álbum e o novo single de mesmo nome.

Você está animada para compartilhar o vídeo da música “So Good“?

Sim, é muito glamoroso, divertido e tem muita personalidade. Eu acho que parece coisa de rico. Eu me diverti muito fazendo isso. Eu divertia muito no set, foi um dia muito bom e não houve nenhum problema. Ty foi bem humorado, ele foi realmente muito divertido. Todo mundo teve um ótimo dia. Eu amei muito. Eu me diverti muito. O vídeo tem este filtro perolado lindo nele e aquilo que faz as coisas brilharem e tudo parece tão suave.

Você acabou de soltar a capa do álbum, a pré-venda vai sair até à meia-noite e o álbum será lançado em 17 de março, momentos emocionantes, como está indo tudo?

Eu sei! Eu me sinto tão mal, porque eu tenho dito “logo”, “logo”, “logo”, “logo” e eu sou basicamente a única pessoa que quer liberá-lo, ninguém está tão animado quanto eu. Então eu estou realmente feliz por estar finalmente acontecendo, que as pessoas podem finalmente pré-encomendar e eles podem ver a capa do álbum.

Eu amei a capa, você tem alguma entrada com o seu design?

Nós mudamos de um lado para outro, para frente e para trás e eu me sinto tão mal sobre as pessoas que trabalham comigo, porque eu mudo minha mente no último minuto. Eu sou como “NÃO NÃO NÃO PARE! ISSO NÃO É O QUE QUERIA. “Eu queria essa foto em vez disso, nós tínhamos outra, mas não era tão boa. Minha capa é um “Por trás das câmeras” a foto é de uma cena [do vídeo de música “So Good“], que eu amei e eu queria ela como minha capa. [A foto da capa do álbum] é na verdade de um photoshoot com uma revista e eu só gostei dela.

So Good Cover


Você coloca um monte de pensamento sobre a marca e trabalho artístico, bem como a música?

Eu gostaria de fazer mais do disso que eu faço. Eu sou meio que uma pessoa bagunçada, eu geralmente acabo de chegar ao estúdio tentando escrever tantas músicas boas quanto possível e cantá-las o melhor que puder, porque é basicamente o que eu faço. Eu realmente não sei o que eu quero, mas tenho muita certeza do que não quero.

Para muitas pessoas, “So Good” é seu primeiro álbum, você sente pressão para lançá-lo?

Absolutamente, especialmente porque eu tenho adiado por tanto tempo e os singles que eu tenho lançado foram realmente bem sucedidos. Eu só espero que o álbum seja tão bem sucedido quanto “Lush Life” foi na Europa ou “I Would Like“, que foi um grande sucesso no Reino Unido, ou “Never Forget You“. Foi realmente muito bom para mim, então é claro que estou nervosa. Eu quero que ele atenda às expectativas, porque eu acho que as pessoas têm expectativas realmente altas.

Em termos de “1” [primeiro álbum de Larsson lançado na Suécia] e “So Good“, qual você acha que são as principais diferenças?

Eu sinto que este álbum ainda é pop, muito pop, mas tem um pouco de tudo. Em minha opinião “Lush Life” é muito diferente de “Never Forget You” e “Never Forget You” é muito diferente de “So Good“, que é muito diferente de “Ain’t My Fault“, então eu sinto que há um pouco de tudo, mas a maioria das canções que as pessoas ouviram e as músicas que eu estava lançando são mais divertidas, porém há definitivamente algumas músicas mais pesadas, mais dark no álbum, baladas e outras coisas. Como [em uma voz triste] “oh! Meu coração..” e tals. Eu sinto que eu tenho isso no sueco também.

Você acha que parte dessa melhoria veio de você ser parte do processo de escrita?

Eu acho que sim, apesar de eu não ter escrito “So Good” eu tinha trabalhado com Lunchmoney Lewis antes, eu tenho trabalhado com J Cash bastante, e Charlie Puth também. Isso é geralmente o que acontece com as músicas que eu não tenho escrito, as pessoas têm escrito comigo e trabalharado comigo antes, e eles vão pensar “talvez devêssemos dar isso para Zara, isso soa como uma canção Zara”. Vai ser uma parte ainda maior do próximo álbum, a parte da escrita.

A lista de faixas para o álbum ainda está para ser revelado, nós vimos você no festival Way Out West em Gotemburgo no ano passado e que você tocou uma música chamada “Permission“, que nós amamos, e estamos nos perguntando se ela vai estar no álbum?

Eu nem tenho mais certeza, estou muito positiva, eu acho que poderia ser apenas uma faixa bônus – por isso, se você está streamando o álbum pode ser que você seja capaz de ouvi-lá.

Você terá escrito e trabalhado em muitas canções para o álbum, desde que começou o processo de desenvolvimento do álbum, como você decide qual cortar ou deixar nele?

É apenas algo que você sente dentro de você, eu não sei o que é, não é como se eu estivesse escutando algo em particular, como um certo progresso neste coro com este acorde. Eu realmente não escuto música assim. Uma boa canção é uma boa canção e faz você sentir algo ou faz você dançar ou se sentir feliz, isso faz de você o que quer que seja e isso é exatamente o que eu vou fazer. Eu me comprometo um pouco com a minha gravadora com as músicas que eu gosto, digamos que se eu escolher doze músicas que eu amo, eles podem dizer bem, vamos colocar seis destas no álbum. Eu estou bem com isso, mas se você gosta de uma música você simplesmente gosta dela, você realmente não sabe o por quê, isso só faz você se sentir bem, mesmo que isso faça você se sentir triste. É aquela coisinha que você não pode colocar no dedo. Eu realmente não tenho uma visão ou um conceito para este álbum, a única visão que tenho é ter um álbum pop realmente grande. Há definitivamente canções no álbum que eu sei que nunca serão número um, que nunca será jogado na rádio, mas algumas delas tem essa vibe, eles são uma melodia e eu adoro isso. Você quer colocar essas músicas lá, mas você realmente não sabe por que você gosta. Eu só quero fazer um bom álbum pop. Por exemplo, há uma música chamada “Make That Money Girl”, eu sei que nunca será bem sucedida na rádio, mas tem uma mensagem muito legal e apenas adiciona algo mais para o álbum.


Quando você está viajando e fazendo todos os passeios de imprensa para os singles e agora o álbum, você sente falta de casa e da Suécia?

Claro que sim, eu sinto falta da minha família e eu sinto falta dos meus amigos, é difícil às vezes, mas eu realmente gosto de L. A. Eu sinto que esta é a minha segunda casa quase. Sempre que passeo um tempo aqui, e me sinto muito bem, mas sinto muita falta da minha família e amigos.

Qual é a primeira coisa que você sempre faz quando chega em casa?

Eu sou muito ruim em desempacotar, então eu deixo minhas malas durante o tempo que eu puder e só arrumo elas antes de eu sair novamente. Eu tento passar tempo com minha irmã e minha melhor amiga, nós geralmente vamos ao cinema. Em casa eu fica numa boa em pijamas ou na casa da minha melhor amiga, de pijama.

A Suécia tem uma rica herança de música pop, bandas como ABBA influenciaram você de alguma forma?

Não realmente, eu não estava ouvindo esse tipo de banda quando eu estava crescendo. Eu sou um pouco jovem demais para isso, nenhum adolescente sueco ouve ABBA ou The Cardigans, mas eu sinto que tenho muita sorte graças a esta grande história de músicos, produtores e escritores que vieram da Suécia porque as pessoas olham diferente. É ter a prova e ver que o povo sueco pode fazer isso. Eu sinto que eles meio que pavimentaram o caminho para vir para a América, eu me sinto agradecida e realmente sortuda por causa disso.

Aqui na The Line Of Best Fit nós cobrimos um monte de artistas novos e emergentes da Suécia e do resto da Escandinávia, então em termos de artistas suecos mais atuais, quem você está ouvindo?

Eu amo Seinabo Sey. Eu amo Sabina Ddumba, ela é grande, há alguns grandes artistas pop. Obviamente Tove Lo. Tove Styrke. Icona Pop, eu os amo, temos algumas boas garotas pop definitivamente. Eu escuto um monte de hip-hop. Eu gosto de J Cole ou como Chance The Rapper, mas não é como eu conheço cada uma de suas canções, mas eu sei muito bem todas as músicas de Ty Dolla $ign. Eu sou obcecada, eu o amo, e eu não acho que as pessoas sabem o quanto eu o amo. Estou apenas ouvindo a lista “Get Turnt” no Spotify que tem como Migos e Drake, Kehlani, no entanto, eu adoro o novo álbum.

Você ouve algum hip-hop sueco?

Eu ouço, na verdade, quando eu não estou Suécia porque eu sinto que eu sinto falta. Embora eu não seja realmente afim de música em sueco, porque há uma linha tão fina entre ele ser bom ou foleiro. Eu sinto que posso dizer muito mais coisas ou eu posso ouvir mais coisas [em inglês], soa melhor, porque não é tão perto de mim. Se eu canto algo em sueco, parece que estou “forçando demais” e se estou ouvindo algo em sueco, eu sou como “oh, meu Deus, acalme-se”, mas se você está ouvindo algo ou escrevendo algo em inglês eu posso ser um pouco mais dramático e não me sinto engraçada sobre isso porque não é minha primeira língua. O hip-hop sueco é legal, mas eu gosto do novo hip-hop da escola, como o hip-hop de Atlanta, mas não temos isso na Suécia.

Você está vindo para o Reino Unido neste verão para tocar em alguns festivais. Você tem planos para seus próprios shows já, ou você ainda não tem nenhuma data marcada para isso?

Estou muito animada, mal posso esperar para sair e fazer os festivais, porque eu sinto que, embora 2016 foi um grande ano para mim, eu sinto que eu não estava no palco suficiente. Após os festivais e tals, eu definitivamente vou fazer a minha própria turnê, seja ela abrindo shows para alguém ou fazenndo a minha própria turnê, pelo menos na Europa. Eu acho que seria realmente incrível, porque eu amo a minha banda e sei que teríamos um grande momento, se não um grande show. Viver é vida. Se eu estou tocando em um festival e estou fazendo uma hora eu quero incluir minha banda e não apenas fazer soar como o álbum gravado. Eu amo reorganizar as músicas e torná-las mais longas, torná-las mais curtas, ou fazer um medley, ou seja o que for. Essa é a parte agradável de fazer as coisas ao vivo, você pode fazer um pouco do que quiser.

“So Good”, o álbum, estreia 17 de Março.


Zara Larsson canta versão acústica de “So Good” no VFILES 2017

Zara Larsson canta versão acústica de “So Good” no VFILES 2017



Ontem (10), Zara Larsson participou de um show exclusivo para o VFILES onde cantou uma versão acústica de “So Good” sem o Ty Dolla $ign. A versão ficou bem legal, assista abaixo.

(O começo do vídeo está com áudio baixo, mas depois da uma melhorada)


Página 6 de 16«1 ...2345678910... 16Próximo